O gênero literário: Ficção Científica - Editora Viseu
Olá, visitante! Login ou Cadastro |

BLOG


O gênero literário: Ficção Científica

05 de julho de 2018

O gênero literário: Ficção Científica

A ficção científica está associada a grandes ideias e ao impacto causado por uma nova ciência na sociedade humana. Geralmente trazem em suas histórias: alienígenas, viagem ao espaço, planetas, tecnologia, mutação, futurismo, etc. E há quem pense que obras desse gênero envolvem apenas o aspecto da tecnologia, mas, vai além disso. Esse gênero da literatura é importante por abordar questões tecnológicas que nos fazem refletir questões sociais e mais humanas que vivemos hoje em dia.

Características de uma Ficção Científica

A boa história de ficção científica se destaca por aproximar o humano, da tecnologia e da ciência. Ainda que se trate de uma ficção, a ficção científica precisa ser diferente da fantasia, ela precisa ter um embasamento e ser plausível e explorar o melhor da ciência verdadeira.

UMA BOA NARRATIVA É AQUELA QUE APRESENTA UM CONFLITO

Qualquer gênero literário precisa de um conflito, um embate que interesse e chame a atenção do leitor.

Na ficção científica, o conflito pode vir de uma nova descoberta científica ou tecnológica que cause um transtorno na vida dos personagens. É preciso ir além do confortável, para fazer com que, quem esteja atrás da página se envolva com a história. Busque imaginar uma nova ciência que poderia destruir sua vida e crie sua história.

O que preciso para escrever uma boa história de ficção científica?


1. Pesquisa
Como qualquer gênero de livro que resolver escrever, é necessário fazer uma pesquisa sobre. Quando se trata de ficção cientifica é preciso estar atento também aos progressos científicos que vem acontecendo nos dias de hoje.

Com base nas pesquisas recentes, você pode fugir do clichê e encontrar um diferencial para sua história, o que estimulará o leitor a querer conhecer o novo.
Uma dica é: siga os threads sobre futurologia;

2. Autores do mesmo gênero
Nada como conhecer obras do mesmo gênero literário para se inspirar e conseguir criar seu próprio livro. Busque por obras semelhantes a sua, mas, também aborde outras.

3. Atualidade
A história de ficção científica aproxima muito mais o leitor quando fala sobre o mundo em que vivemos, isso acaba aproximando emocionalmente o público. Junte problemas da vida real com aliens, por exemplo.

4. Clichê
Evite clichê, não tem problema em citar uma invasão alienígena, mas, ela não pode ser uma repetição de outras obras, porque é inevitável que comparem e critiquem.

5. Deixe uma mensagem
Quando sua história chega o final e tem um porque explicito, faz com que o leitor tenha um impacto positivo da obra. E existe a possibilidade de utilizar a ficção científica para deixar uma mensagem ao leitor e isso pode atrair criticas positivas a obra, pois sua obra teve um significado e o leitor sofrerá um impacto com a mensagem.

6. Entreter o público
Não se esqueça, seu livro independente do gênero precisa entreter o público, de nada adianta ter um enredo bom e ninguém se distrair com ele. Além de bem escrito, seu livro precisa tirar o leitor do lugar, impactar ele com as emoções da história.

Um bom livro de ficção científica é aquele que você lê e nem calcula o tempo, que te faz viajar, refletir e quer mais.
Gostou desse post? Então não deixe de acompanhar o blog.

 


Últimos posts


Dia das Mães

08 de maio de 2019

Dia das Mães

LER

Sprint de escrita

24 de abril de 2019

Sprint de escrita

LER

Newsletter

Quer ficar por dentro de nossas novidades? Assine nossa newsletter.

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!